quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

“VITAL CITIES”: AUTARQUIA VAI REALIZAR INTERVENÇÕES NO ESPAÇO PÚBLICO DE QUARTEIRA E LOULÉ PARA PROMOVER DESPORTO PARA TODOS


Na passada semana teve lugar, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a quinta reunião dos parceiros locais referente às “Vital Cities”, projeto liderado por Loulé e que integra uma rede de 10 municípios europeus. O principal objetivo da reunião foi apresentar aos parceiros locais, entre os quais clubes e associações desportivas, IPSS e escolas, três planos de intervenção urbana, nas cidades de Quarteira e Loulé, que visam criar zonas onde as pessoas possam praticar desporto informal.

Como explicou Hugo Nunes, coordenador a nível europeu do projeto “Vital Cities”, estas intervenções estavam já a ser ponderadas pela Autarquia mas ganham agora novos contornos já que tocam naquela que é a essência das “Vital Cities”. “A ideia é requalificar espaços que, do ponto de vista urbanístico, estavam mal resolvidos e criar aí condições para outras atividades, nomeadamente ao nível do desporto”, frisou o vice-presidente da Câmara Municipal de Loulé.

Em Quarteira, são duas as intervenções previstas. Na zona envolvente à Abelheira e Amendoeira o objetivo é criar uma ligação entre os dois bairros que permita recuperar toda esta área para que a mesma possa ser usufruída em plenitude pela população. 

Outro dos projetos previstos para Quarteira diz respeito à intervenção nas Ruas Stuttgard e Coppingen, perto da Igreja de S. Pedro do Mar, onde será criado uma zona de estacionamento e um espaço verde com equipamentos geriátricos que estarão ao serviço da população.

Já em Loulé, o objetivo passa pela requalificação da envolvente ao Estádio Municipal, valorizando-a para a prática desportiva e abrindo-a a novas valências. Um dos pontos principais do projeto é criar uma nova solução para o muro do Estádio uma vez que este constitui uma barreira entre os bairros e arruamentos envolventes. Nesse sentido, o muro será retirado, criando-se uma nova barreira em forma de talude, com abertura visual. “O Estádio é ‘entregue’ às pessoas para que seja utilizado informalmente, numa tentativa de realizar aqui outro tipo de ações, tornando as pessoas mais ativas”, considerou Hugo Nunes.

Nesta sessão foi igualmente apresentada aos parceiros locais a “Quinzena Vital Cities”, que irá ter lugar de 1 a 19 de março. Como referiu o coordenador local do projeto “Vital Cities”, Tiago Guadalupe, “trata-se de um programa desportivo que permite que toda a população possa ter a oportunidade de realizar diversas atividades como o Pilates, Tai Chi, Zumba, Hidroterapia, BTT, Marchas, entre outras, de forma totalmente gratuita”.

Além desta vasta oferta desportiva, irá decorrer, nos dias 6 e 7 de março, um encontro transnacional, um ciclo de cinco debates “Compromisso com o Desporto”, um seminário onde o tema central será a obesidade e a atividade física e uma formação direcionada para a modalidade com maior número de praticantes no Concelho, o futebol.